TEMATIZAÇÃO
Trata-se do processo através do qual, numa argumentação, os
participantes desenham os assuntos, fazendo distinções, invocando
recursos para darem força à perspetiva avançada e desenvolvendo
raciocínios orientados dentro dessa moldura. É, portanto, um processo de
configurar os assuntos, perspetivando-os a partir da seleção de
determinados considerandos tidos como relevantes e cuja admissão
orienta o pensamento para determinados padrões de avaliação, juízo e
raciocínio. Trata-se de um processo de objetivação do pensamento (que
não de objectividade) ou, se quisermos utilizar a terminologia de Grize, de
uma «esquematização». A tematização é, em síntese, o processo seletivo
(e nesse sentido pode ser equiparada à
inventio retórica) de recursos
através do qual uma perspetiva é desenhada e estabelece pontos que
podem servir de premissas a raciocínios e às suas conclusões. Nela, as
dimensões sintáctica, semântica e pragmática operam indissociavelmente.



Rui Alexandre Grácio
 
VocAbulário
 
© Rui GrÁcio 2015